Saiba quais são as 4 cidades mais antigas no RS

Saiba quais são as 4 cidades mais antigas do RS

Saiba quais são as 4 cidades mais antigas no RS.

Com uma história totalmente interligada, as quatro cidades mais antigas foram emancipadas na mesma data.

Dentre elas, uma foi definida como a capital do estado: Porto Alegre.

Então, vem saber quais são as outras três cidades mais antigas do RS.

História das 4 cidades mais antigas no Rio Grande do Sul

A saber, a história das 4 cidades mais antigas gira em torno da atual capital, Porto Alegre.

Inicialmente habitada por índios, Porto Alegre passou a pertencer aos espanhóis com o Tratado de Tordesilhas de 1494.

A partir do século XVII, os bandeirantes portugueses começaram a chegar aos poucos.

Além dos tropeiros que fundaram as primeiras sesmaria onde hoje situa-se as terras de Rio Grande.

Porto de Viamão – Primeiro nome de Porto Alegre

Em 1750, o Tratado de Madri trouxe alguns casais que se instalaram no Porto de Viamão (antigo nome da capital).

Posteriormente, a região passou a ser chamada de Freguesia de São Francisco do Porto dos Casais, devido tal acontecimento.

Tempos depois, o território elevou-se a categoria de vila.

Aos poucos, Porto Alegre obteve grandes avanços na área do comércio.

Paralelamente, os pontos onde hoje são Rio Pardo e Santo Antônio da Patrulha começaram a ganhar destaque.

Capitania do Rio Grande de São Pedro do Sul

Diante deste cenário, o estado do Rio Grande do Sul foi enquadrado como uma capitania geral.

Especificamente, recebeu o nome de Capitania do Rio Grande de São Pedro do Sul.

Na ocasião, no ano de 1809, o limite do estado ficou dividido em 4 cidades:

  • Porto Alegre;
  • Rio Grande;
  • Rio Pardo;
  • Santo Antônio da Patrulha.

Posteriormente, ocorreram a chamada ‘Primeira Divisão Administrativas’.

Tal nomenclatura refere-se às emancipações da cidades citadas dentro destas quatro demarcações.

Todavia, as quatro cidades mais antigas foram sendo sub-divididas com o passar dos anos.

Sendo assim, as quatro cidades mais antigas foram cedendo espaço para criação de novos municípios.

Atualmente, o estado do Rio Grande do Sul possui 497 municípios oficialmente registrados.

Ainda em tempo, Porto Alegre, Rio Grande, Rio Pardo e Santo Antônio da Patrulha continuam sendo municípios ativos.

Porto Alegre

A saber, Porto Alegre abrange cerca de 496,684Km2 com uma população de 1.409.351 habitantes.

Porto Alegre é uma cidade bem desenvolvida na área urbana, com uma pluralidade de opções para lazer.

Desse modo, dispõe de ótimos locais para passeio e oferta de boa hospedagem e gastronomia.

Já no que tange a história de uma das cidades mais antigas, o Centro Histórico reserva um tanto do passado, através de seus:

  • museus,
  • teatros,
  • centros culturais,
  • bibliotecas,
  • igrejas,
  • praças,
  • monumentos.

Por exemplo, o Mercado Público refere-se a um prédio do ano de 1869 que dispõe de comércio e oferece gastronomia local.

As Praças da Alfândega e Marechal Deodoro também expõe um tanto do passado.

Além da Catedral Metropolitana e do Theatro São Pedro, inaugurado em 1858.

A mobilidade na capital atende de forma excelente, dando destaque ao Aeroporto Salgado Filho e a Rodoviária no centro da cidade.

Rio Grande

Já Rio Grande se estende por cerca de 2 817,48Km2, atualmente habitada por uma população de 208 641 habitantes.

Localizada no extremo Rio, Rio Grande fica distante da capital Porto Alegre cerca de 335 quilômetros.

A saber, Rio Grande é conhecida por abrigar a praia mais extensa do mundo, reconhecida pelo Guiness Book em 1994: a Praia do Cassino com 254 quilômetros.

Só para ilustrar, a Praia do Cassino é famosa por permitir o acesso e estacionamento de carros na areia.

Já o Molhes da Barra é outro grande atrativo da engenharia oceânica construído em 1911 para proteger o acesso de navios no porto.

Nesse contexto, Rio Grande também dispõe de Museus importantes na história oceanográfica:

  • Museu Oceanográfico;
  • Museu Antártico;
  • Eco-Museu da Ilha da Pólvora.

Rio Pardo

Atualmente, a cidade de Rio Pardo possui uma área de 2 050,65 km² e sua população totaliza 38.968 habitantes.

Em Rio Pardo é possível passear pela Rua Júlio de Castilhos, também conhecida como rua do Imperador.

Historicamente, a rua teria sido pavimentada por escravos no ano de 1813 com pedras do io Jacuí.

Ainda em tempo, Rio Pardo sedia muitos templos antigos, como a Igreja Senhor dos Passos do ano de 1815.

Além da Capela São Francisco e da Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário, sendo esta última inaugurada no ano de 1779.

Do mesmo modo, a Ponto do Couto também carrega muita história há mais de duzentos anos.

Enfim, rio Pardo é mais cidade que preserva um pouco da trajetória do Rio Grande do Sul.

Santo Antônio da Patrulha

A saber, Santo Antônio da Patrulha compreende cerca de 1 049,807 km² com uma população estimada de 42 658 habitantes.

Juntamente às outras cidades mais antigas do RS, Santo Antônio da Patrulha também carrega um tanto de história.

Por exemplo, a Pira da Pátria é o ponto onde foi construída em 1760 a capela Santo Antônio, primeiro templo religioso do Litoral Norte.

O município também dispõe de uma famosa fonte, a Fonte Imperial que teria sido construída em 1847 a pedido do imperador em terras gaúchas.

Além de muita história, Santo Antônio da Patrulha é conhecida por ser a terra da cachaça e da rapadura.

Em síntese, a cidade se destaca na produção de cana de açúcar, possuindo fábricas de produtos artesanais como melado e amendoim.

Logo, quem visita o local pode se deliciar com guloseimas tais como:

  • Rapaduras;
  • Pés de moleque;
  • Mandolates.

Por outro lado, o município também oferece entretenimento aos seus visitantes no Caminho Gaúcho de Santiago de Compostela.

Só para ilustrar, o passeio refere-se a uma caminhada de 12 quilômetros, considerada um treinamento para o trecho original de Compostela.

Saiba quais são as 4 cidades mais antigas no RS

Enfim, agora que você conhece quais são as quatro cidades mais antigas no RS, que tal fazer um tour nesta rota histórica?

CONTINUE LENDO

Conheça o Brasil Viajando, blog de viagens

Blog de viagens pelo brasil. Conheça mais